Rua Aporé, 19 - Bairro Amambai - CEP 79005-360 - Campo Grande-MS (67) 3325-6640
12.02.2019 • Economia

Combustíveis terão novo reajuste a partir de 16 de fevereiro

carro_810x496

Campo Grande (MS) – Pela terceira vez no ano, pauta fiscal dos combustíveis registra reajuste em Mato Grosso do Sul. De acordo com tabela de preços médios publicada no Diário Oficial da União pela Comissão Técnica Permanente (Cotepe) do Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz), há mudanças na base de cálculo do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) no mercado estadual. 

Com a nova pauta fiscal, o valor da base de cálculo do combustível passa de R$ 3,5037 para R$ 3,5451 no Estado, aumento de 1,18% no valor pesquisado nas bombas de combustíveis. Para o diesel S-10, o aumento da média de preços encontrada é menor (+0,19%) e a base de cálculo que hoje é de R$ 3,6176, pode ficar em R$ 3,6246. 

Para os demais combustíveis, o valor pesquisado apontou queda no preço médio de revenda de até 0,75%. É o caso da gasolina comum, que teve a pauta fiscal reduzida pela segunda vez seguida neste ano, saindo de R$ 4,1619 para R$ 4,1376.  

O etanol, que estava com o preço médio em R$ 3,3352, foi para R$ 3,3289 (-0,19%).  Já o valor de referência do gás liquefeito de petróleo, popularmente conhecido como gás de cozinha, teve média calculada de R$ 5,6224 para R$ 5,6144 o quilo, o que representa o recuo de -0,13%. 

Ainda conforme o Ato Cotepe, dois combustíveis mantiveram preços estáveis no mercado: o gás natural veicular (GNV), com preço de R$ 2,7828 (o valor atual está em R$ 2,7801) e a querosene de aviação, que teve o preço estabelecido em R$ 3,0323. A pauta fiscal da gasolina aditivada não foi alterada e a base de cálculo para fins do ICMS permanece em R$ 5,9455 no Estado.